Salmo 122 comentado

04/01/2010 às 13:45 | Publicado em Para ler, Salmos comentados | Deixe um comentário
Tags: , , , ,

Este Salmo é mais um Cântico de Ascensões. Neste, a elevação tende a ser ainda mais alta, uma vez que o salmista proclama exaltação à espiritualidade da cidade de Jerusalém (Yerushaláyim, do hebraico ירושלם), pelos milagres ali realizados. Jerusalém é descrita como a cidade onde cada ser encontra a santidade, seja ele um nativo ou um peregrino.

É importante ler o Salmo levando em consideração que Jerusalém é descrita por seus atributos espirituais, e não por suas construções.

Curiosidade: O Talmud diz que o nome Yerushaláyim procede de Deus, e é composto de duas partes: Yira, que significa “ver” e shalem, que significa “paz”. Sendo assim, o significado da palavra seria “Visão da paz”.

O primeiro versículo é um clássico. Mas, como hoje não temos o Templo Sagrado (Beit Hamikdash, do hebraico בית המקדש, ) edificado, que nós possamos nos alegrar ao buscar a presença do Eterno em nossas congregações, as quais devemos considerar como a Casa de HaShem. É como diz um grande amigo: “Servi ao Senhor com alegria!”

Creio que ao orar por Jerusalém, superamos a distância física e nos adentramos às portas de Jerusalém. E quanto maior o amor por esta cidade, mais próximos do Eterno estamos.

Nos versículos 3 e 4, David destaca a solidez e a coesão de Jerusalém, esta que surgiu ao serem fundadas as Doze Tribos de Israel. Ao meu ver, o nascimento de Israel e Jerusalém ocorreu de dentro pra fora. Ou seja: tudo começou espiritualmente, a partir de Abraão, Isaac e Jacó e suas Doze Tribos, para depois as edificações serem levantadas. O próprio Templo foi levantado por Salomão um bom tempo após a morte de David, autor deste Salmo. E as coisas surgiram somente mediante sabedoria e inspiração Divina, tudo com um motivo principal: para que se desse Graças e louvor ao Sagrado (Bendito Seja). No versículo seguinte, David cita seu patrimônio, fazendo uma analogia ao conceito empregado para Jerusalém nos versículos anteriores.

Também muito conhecido, o versículo 6 retrata uma troca proposta por David: ao orar por Jerusalém, obtem-se a garantia de prosperidade. Mas é bom não se enganar sobre isso. Da mesma forma que Jerusalém é exaltada por suas riquezas espirituais, a prosperidade que o Salmista cita também se refere ao plano espiritual, e não à bens materiais. À propósito: existe fortuna maior do que regozijar a alma? Estando bem espiritualmente, tudo vem por consequência.

O salmista abre uma exceção para falar fisicamente de Jerusalém no sétimo versículo, rogando pela paz e segurança da cidade. Entendo que este versículo seja uma extensão do sexto, o qual David pede que todos que tem amor pela Cidade Santa orem por ela.

David deseja a Paz para a cidade no oitavo versículo. E no versículo seguinte, o Salmista promete defendê-la em nome do Eterno. O mais interessante é que ao traduzir direto do hebraico, estes dois versículos possuem um peso ainda maior. Ambos na Bíblia tradicional dizem “Por causa de seus amigos…” e “Por causa do Eterno…”, respectivamente. Entretanto, o hebraico diz “Por amor a…”. Ou seja: por amar seus amigos e companheiros, e por saber dos benefícios e milagres que a Capital Espiritual do Mundo pode proporcionar aos seus entes queridos, David intercede por eles. E por amar incondicionalmente ao Eterno, e sabendo o quanto Ele ama Jerusalém, David faz um concerto, no qual ele se propõe a lutar pelo bem da Cidade Santa.

Para mim, a grande lição do Salmo é que nas grandes metrópoles, somos apenas mais um número, uma “formiguinha” em meio à multidão. Em contrapartida, cada indivíduo pode viver em Jerusalém uma experiência única, de intensidade indescritível: um encontro pessoal com a Santidade do Eterno. E ao orar incessavelmente pela Cidade Santa, podemos vencer a barreira da distância e experimentar a um pouco da sensação de elevação espiritual que seus habitantes e visitantes tem condições de vivenciar pessoalmente.

Mais um belo Salmo de David, um Cântico de Ascensões nos faz galgar os degraus junto à Jerusalém celestial.

About these ads

Deixe um comentário »

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com. | O tema Pool.
Entries e comentários feeds.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 31 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: